Aproveitando essa fase essencial da vida de todo ser humano, na infância, procuraremos valorizar sentimentos e valores positivos que esses pequenos e especiais seres trazem em si. Responsável pelo processo de socialização, a escola estabelece relações entre crianças brancas e negras, possibilitando a convivência com diferentes raças e gêneros e a construção da identidade. Ao vivenciar essa proposta volta-se para a observação das diferenças enquanto características e abandonam-se preconceitos que ao longo do tempo da história serviam para a desvalorização dos atributos individuais. Levando-se em consideração que é preciso educar o indivíduo para a convivência saudável no espaço em que está inserido, ao propor este trabalho,busca-se a compreensão de como são construídas as relações raciais e sociais. A importância disso consiste na quebra de preconceitos, inclusão social e promoção da equidade.